Cobras mais perigosas e assustadoras encontradas em SC

Pelo menos 11 das 48 espécies de cobras existentes em Santa Catarina são venenosas. O Brasil tem 442 espécies diferentes de serpentes. Conheça as cobras de SC

Cobra-coral Micrurus-Altirostris

Pode ser encontrada nas mesorregiões Vale do Itajaí e Grande Florianópolis. Tem coloração vermelha, branca e preta no padrão de mônade. Após a picada,

Jararaca Comum Bothrops-Jararaca

A jararaca se alimenta de roedores e é uma das espécies mais vistas em SC. O veneno pode causar inchaço, dor, sangramento e manchas roxas na pele. Além disso, pode ter hemorragia e morrer.

Jararacuçu Bothrops-Jararacussu

A cobra é encontrada no Extremo Oeste e no Litoral de SC. Ela pode chegar a 2 metros de comprimentos. O veneno causa hemorragia, inchaço e pode destruir tecidos da pele.

Jararaca-Da-Barriga-Preta Bothrops-cotiara

A cor dessa jararaca é castanho esverdeado. Ela é encontrada principalmente nas florestas. A picada desta cobra pode causar dor, inchaço, bolhas e até insuficiência nos rins.

Cruzeira Bothrops-Alternatus

Ela é encontrada em áreas abertas. O nome faz referência aos desenhos cruzados na cabeça. A picada causa dor, inchaço, hemorragia, bolhas e até gangrena no local.

Jararaca-Pintada Bothrops-Neuwiedi

Os filhotes da espécie costumam ter a cauda branca, por isso elas também são chamadas de jararaca-do-rabo-branco. A picada causa inchaço, dor, hemorragia e bolhas.

Jararacas pintadas B. Pubescens e B. Diporus

A espécie de cobra tem coloração marrom com pontos brancos. A picada da serpente venenosa pode causar hemorragia, dor e também inchaço.